Instalação Nível 8: resolução de problemas com vigas

Nesta parte da nossa série de competências de Instalação com o tasker Nick C., vamos abordar a resolução de problemas com vigas. Segundo Nick, encontrar vigas é muito importante numa instalação, uma vez que impede que:

  • Fure um cano. 🚰
  • Danifique fios elétricos.💡
  • Instale um artigo só no estuque, para depois cair e partir.💥

Conhecer os diferentes tipos de parede é o primeiro passo para encontrar as vigas e saber o tipo de bucha de que irá precisar ou se irá precisar de alguma. Para mais informação acerca dos tipos de parede, consulte a secção Instalação Nível 5: tipos de parede.

  • Vigas de aço
    • Cada vez mais comuns, mas mais provavelmente em edifícios de apartamentos ou escritórios com mais de 3 andares. 
    • É mais difícil fazer uma instalação porque são mais finas e podem dobrar com objetos mais pesados.
    • Cada viga de metal é mais ou menos do mesmo tamanho de uma viga de madeira. O estuque é aparafusado diretamente às vigas.
    • As vigas de metal são geralmente colocadas em intervalos de 60 cm (embora seja útil verificar intervalos de 40 cm).
    • Parafusos (pesos mais leves) e buchas borboleta (pesos maiores).
  • Gesso cartonado
    • Encontra-se normalmente em edifícios residenciais construídos em meados do séc. XX ou antes.
    • Há vigas e ripas de madeira paralelas ao chão e ao teto.
    • Os detetores de materiais não costumam funcionar porque a camada de gesso é mais grossa do que o estuque moderno. Para encontrar as vigas, precisa de um detetor de materiais que consiga detetar metal. Este irá indicar-lhe onde se encontram os pregos que ligam as ripas às vigas — e onde aparafusar os suportes para a instalação. O gesso esmigalha-se facilmente, por isso, tenha todo o cuidado quando perfurar a parede.
  • Tijolo, cimento e pedra
    • Os tipos de parede que entram nesta categoria: lareiras, edifícios de escritório de cimento, estúdios industriais. Normalmente, sabemos quando os vemos!
    • As paredes de tijolo e de cimento não são construídas com vigas. São bastante duras e requerem ferramentas especiais, tais como:
      • Buchas de pregar e parafusos de metal.
      • Um berbequim de percussão.
      • Brocas de metal com o diâmetro certo para caber nas buchas de pregar.
      • Óculos de proteção e proteção auditiva.

Se o detetor de materiais falhar…

O tasker Nick C. confirma que certos tipos de parede com vigas, particularmente gesso cartonado, não funcionam com um detetor de materiais. No entanto, não se preocupe: há algumas opções.

  • Conheça os espaçamentos. As vigas encontram-se a 40 cm de distância no centro, o que significa que o centro de uma viga se encontra a 40 cm de distância do centro da seguinte. Tenha em conta que, em algumas casas, poderão ter um espaçamento de 60 cm, mas isto é raro e acontece sobretudo com casas mais antigas.
  • Bata na madeira. Em vez de um eco, irá ouvir um baque seco quando estiver a bater numa parede sobre viga. Isto ajuda a encontrar a localização geral das vigas, mas não com o posicionamento exato.
  • Arranje um íman. Deslize lentamente um íman para cima, para baixo e para os lados numa parede para encontrar os parafusos utilizados para apertar o estuque ou as ripas às vigas. Ao encontrar estes parafusos, encontrou uma viga!

Encontrar vigas e colocar ferragens 

Aqui está o que fazer de acordo com Nick C.

  • Use o detetor de metais. Passe-o lentamente na horizontal ao longo da parede até que dê sinal. Marque o local. Comece do outro lado e passe o detetor de materiais na horizontal em direção à marca que fez na parede. Quando der sinal, marque a parede. A viga encontra-se entre estas duas marcas! 
  • Lembre-se de que as vigas devem ter cerca de 4 cm de largura. Se a distância entre as marcas que tiver feito for maior, volte a passar o detetor de materiais.
  • Ao perfurar, pressione lentamente. É muito fácil perfurar estuque e não queremos furar mais nada por acidente!
  • Se estiver a usar uma bucha com expansão, certifique-se de que utiliza uma broca significativamente mais pequena do que a bucha. Pode sempre aumentar o tamanho do furo, mas é mais difícil resolver um furo demasiado grande.
  • Não é sempre preciso fazer a instalação numa viga, particularmente se o objeto não for muito pesado. Mesmo os artigos mais pesados podem ser pendurados com segurança a partir de buchas borboleta. Contudo, se tiver a opção de usar uma viga, deve sempre aproveitá-la.

Se continuar com problemas a encontrar as vigas 

“Conquistar a confiança do cliente é um dos passos mais importantes para estabelecer um negócio na TaskRabbit”, diz Nick. “O cliente confia em nós como especialistas na tarefa — e, portanto, qualificados para tomar decisões perante a situação. Dito isto, também faz parte do trabalho garantir que o cliente percebe o que estamos a fazer e é informado de qualquer mudança de planos.” Aqui está o que Nick faz quando se depara com imprevistos:

  • Tome precauções. Proteja-se a si, ao seu negócio e à casa do cliente. Se o detetor de materiais detetar alguma coisa que não uma viga, procure compreender o que é antes de perfurar.
  • Compreenda o edifício: quando houver objetos misteriosos por detrás da parede, não se preocupe. Caso o cliente esteja presente, faça-lhe perguntas: por exemplo, descubra que divisão se encontra do outro lado. Se for uma casa-de-banho ou cozinha, isso pode querer dizer canalização — definitivamente algo a evitar furar!
  • Reagende. Não tenha medo de reagendar a tarefa caso o detetor de materiais não esteja a funcionar ou não consiga obter as respostas de que precisa acerca da parede. É provável que o cliente prefira uma tarefa inacabada a uma série de buracos sem uso na parede!
  • Arranje as ferramentas apropriadas para encontrar a viga. É sempre melhor voltar noutro dia com ferramentas que funcionem do que arriscar furar a canalização. Lembre-se de que poderá ter de utilizar diferentes detetores de materiais conforme o tipo de parede.

Continua com perguntas acerca de vigas? Consulte o YouTube para saber mais acerca de tudo relacionado com instalações.

One thought on “Instalação Nível 8: resolução de problemas com vigas

Leave a Reply